Noticias

Mundo deverá ver uma escassez do níquel: preços podem subir acima de US$44.000/t

Quando a Indonésia proibiu a venda de níquel laterítico o mercado sentiu e os preços começaram uma inexorável subida. A Indonésia é uma das grandes produtoras sendo responsável por 25% de todo o níquel produzido no mundo. 
Portanto, não poderia ser diferente. Somente em 2014 os preços subiram de US$13.000/t para US$21.000/t. 
Esta escassez deverá existir até que novas plantas metalúrgicas sejam instaladas na Indonésia o que deve demorar mais dois anos. 
Enquanto isso várias empresas aproveitam o momento para conquistar o mercado e se estabelecer, como o caso da canadense Royal Nickel. A empresa é dona da jazida de Dumont que contém uma reserva gigantesca de níquel sulfetado, no Abitibi, estimada em 3 milhões de toneladas de níquel contido. Essa é a terceira maior jazida e a mina será a quinta maior do mundo. A mina deverá entrar em produção em 2016.


Publicado em: 17/5/2014 12:59:00

Autor: Pedro Jacobi